sexta-feira, 1 de maio de 2015

Ayrton Senna, obra universal e eterna do ídolo brasileiro

Livio Oricchio - Especialista GloboEsporte.com (Foto: GloboEsporte.com)
Pergunte a alguém o que estava fazendo, por exemplo, dia 7 de setembro de 1994, no período da manhã? Se rebuscar o relatório daquela data nas fichas arquivadas na memória já representa um exercício de elevada dificuldade, tendo ainda estabelecido uma faixa de horário se torna quase impossível de lembrar. A não ser que por alguma razão em vez de colocarmos a ficha na gaveta dos “Genéricos” a tivéssemos acomodado, com carinho, no arquivo “Muito Importante”, de acesso imediato, não importando quanto tempo depois. 
Mudemos um pouco a pesquisa: o que você estava fazendo no dia 1º de maio de 1994, no período da manhã? 
- Deixe me ver...hei, espera aí, dia 1º de maio de 1994? Já sei onde você quer chegar. Claro que sei a que você se refere. O que deseja saber, posso te contar em detalhes? 
Acidente ayrton senna ímola (Foto: Agência AP)1º de maio de 1994 não sai da memória dos brasileiros (Foto: Agência AP)
Não precisa ser fã da F-1. Tampouco de Ayrton Senna. A maioria se recorda, ainda, com clareza, o que fazia naquele domingo, 1º de maio de 1994. Classificaram a ficha do dia sem maiores avaliações, desnecessárias, na seção “Muito Importante”. O mais interessante nesse comportamento é que para parte desses cidadãos comuns, até mesmo um pouco distantes da disputa esportiva da F-1, essa classificação da ficha foi involuntária. Bem como, agora, a sua manutenção lá. 
Por alguma razão, a perda daquele homem e toda a comoção gerada os fizeram até escrever as anotações da ficha em letra de forma com algum tipo de tinta que garante maior longevidade no papel. E 21 anos do ocorrido, portanto, como é o caso hoje, representam nada quando confrontados com o previsto para a preservação da ficha no seu estado mais natural possível. 
Ayrton Senna GP de Portugal de 1985 (Foto: Reprodução)Ayrton Senna comemora sua primeira vitória, no GP de Portugal de 1985 (Foto: Reprodução)
Parece existir uma relação de cumplicidade entre milhões de brasileiros e o que Ayrton Senna representa.
Na realidade, já está em curso um fenômeno decorrente desse processo de manter viva a ficha relativa a 1º de maio de 1994 no arquivo “Muito Importante”. No ano passado, na celebração dos 20 anos da passagem de Ayrton Senna, no mesmo local onde uma nova porta se abriu para o prosseguimento da sua obra, na curva Tamburello, no Circuito Enzo e Dino Ferrari, em Ímola, Itália, crianças acompanhavam seus pais numa caminhada pela pista. 
O corso de 20 mil admiradores do trabalho de Ayrton Senna como piloto e da visão de vida sempre exposta nas entrevistas, onde prevaleciam valores como tenacidade, determinação, coragem, gana, perseverança, parou diante do muro onde o carro da Williams se chocou na sexta volta do GP de San Marino. 
Às 14h17, Ezio Zermiani, o locutor do evento, repórter da TV italiana nos 20 anos de F-1 de Ayrton Senna, pediu um minuto de silêncio para todos. Exatamente naquele horário ocorreu o acidente, 20 anos antes. O circuito encontra-se no meio do parque Acque Minerali. Nesse instante, apenas pássaros e o harmônico som das folhas em movimento nas árvores eram escutados pela alma dos presentes. 
Aquilo tudo pareceu contagiar até mesmo crianças de pouca idade. Em seguida, mas apenas aos poucos, todos voltaram a se falar, em voz baixa, pausadamente. O minuto de silêncio gerou consequências no emocional de cada um. 
ayrton senna bandeira gp do Brasil (Foto: Edu Garcia / Agência Estado)Ayrton Senna comemora com bandeira vitória no GP do Brasil (Foto: Edu Garcia / Agência Estado)
Meninos e meninas ouvidos por jornalistas durante a caminhada de volta ao paddock do autódromo demonstravam conhecer Ayrton Senna bem mais do que se poderia esperar. Pois nunca o viram competir, manifestar-se, a não ser através de vídeos. 
- Desejo que minha filha compreenda o que Senna passou como mensagem. A importância de acreditar em você mesmo, definir com precisão os objetivos e nunca desistir de persegui-los. Pois de alguma forma você os atinge -  lembrou um empresário italiano. 
E aqui há outro aspecto do legado de Ayrton Senna: a universalidade da sua mensagem. E possivelmente eternidade. No exemplo mencionado era uma família italiana desejando passá-la a filha. A filosofia de Ayrton Senna se estende até além do passo a passo da formação de um piloto profissional. Combina a técnica, dedicação, o desprendimento exigidos com os princípios de vida que, sem eles, não é possível obter sucesso. E seu patamar de conquistas é, da mesma forma, bastante elevado. Para Ayrton Senna, apenas representar o máximo tem maior validade. Essencialmente, entender o seu valor e ter o reconhecimento como “o melhor”. 
Hoje, 21 anos depois da passagem de Ayrton Senna, a geração que ele contaminou está inoculando em seus descendentes o mesmo coquetel de vírus. Faz questão de ver seus filhos desenvolverem a mesma “patologia” que os acometeu. “Ela é benigna”, tratou de explicar o pai de um menino, em Ímola. 
Ayrton Senna campeão Fórmula 1 1988 (Foto: Divulgação)Ayrton Senna comemora o título da Fórmula 1 em 1988 (Foto: Divulgação)
No Brasil, a geração que vibrou com as vitórias de Ayrton Senna e se identificava com sua postura sempre altiva, numa nação de baixa autoestima, o mantém vivo dentro de si, numa proporção ainda maior que italianos e japoneses, em especial, explicitamente fãs do piloto e do homem. A dona de casa, o cobrador de ônibus, o reparador de brinquedos, a engenheira, o médico, o responsável pela limpeza pública, o farmacêutico que acordavam mais cedo nos domingos de corrida não precisam tirar a poeira da ficha arquivada no dia 1º de maio de 1994. Está, definitivamente, na categoria “Muito Importante”. 
Basta a simples menção da data para, de imediato, localizá-la. Parece, de repente, pulsar dentro de si. Zelosos, verificam seu estado de preservação. Não querem, sob hipótese alguma, constatar qualquer traço de desgaste. Sabem que outras gerações vão recorrer com frequência ao que foi anotado em detalhes naquela ficha. Com certa tristeza, verdade, por um lado, afinal no primeiro momento não deixou de ser uma perda, mas sensação imediatamente superada por um sentimento de elevação, marca maior da herança de Ayrton Senna.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Educação Taquaritinga do Norte : Programa Criança Alfabetizada

A Rede Municipal de Educação de  Taquaritinga do Norte-PE continua firmando políticas públicas para a melhoria da aprendizagem dos e...