sábado, 30 de setembro de 2017

Idosa é vítima de estupro após sair para jogar lixo


Uma idosa de 60 anos foi vítima de estupro na noite da sexta-feira (29) em Garanhuns, no Agreste de Pernambuco. De acordo com a Polícia Militar, ela foi abordada pelo criminoso quando havia saído para jogar o lixo.
Ainda segundo a PM, o homem estava armado com uma faca e cometeu o crime dentro da casa da idosa. Ele fugiu e, até a publicação desta matéria, não foi localizado.
A vítima foi socorrida para o Hospital Regional Dom Moura, em Garanhuns. Ela foi submetida a uma cirurgia e está internada, conforme informou a polícia. Por telefone, o G1 tentou conseguir informações do estado de saúde dela, mas as ligações não foram atendidas. 



'PM ' tem beleza comparada à de personagem de Paolla Oliveira

Policial Militar de Votorantim, Juliana Cristini Gonçalves, faz sucesso nas redes sociais (Foto: Carlos Dias/G1)

 
Conciliar o expediente de trabalho da Polícia Militar com as tarefas de mãe e os treinos na academia é a missão da soldado Juliana Cristini Gonçalves, do 40º batalhão da PM de Votorantim (SP).
Há quatro anos a soldado veste a farda da PM que, mesmo com visual "pesado", não esconde o charme dos olhos verdes e do cabelo loiro da jovem, de 26 anos.
A rotina compartilhada lhe rendeu, até a manhã desta sexta-feira (29), 27 mil seguidores no Instagram e títulos como "Gata da PM" ou "PM deusa" na internet. 

Juliana conta que chegou até a ser comparada com a personagem Jeiza, da novela "A Força do Querer", interpretada pela atriz Paolla Oliveira.
Na trama, a personagem trabalha para o Batalhão de Ação com Cães e além de ser conhecida pela bravura, também é um símbolo de sensualidade.
“Vou postando porque eu gosto. Gosto de tirar foto, de filmar, e vejo que isso acaba motivando as pessoas. Recebo muitas mensagens de inspiração, de motivação, e isso é muito legal, porque você se sente bem quando você motiva as pessoas e acho que o militarismo na novela tem influenciado.” 


Juliana Cristini Gonçalves, policial militar PM de Votorantim (Foto: Reprodução/Instagram)
Além de vaidade, manter a forma é parte importante de sua rotina, já que uma vez por ano é realizado um teste de aptidão física pela corporação.
Juliana cumpre a jornada de trabalho como interna no batalhão, mas sempre que solicitada realiza operações na rua.

sexta-feira, 29 de setembro de 2017

Combate a Evasão Escolar em Taquaritinga do Norte

Projeto Evasão Escolar Zero em Taquaritinga do Norte


A imagem pode conter: 6 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas sentadas e área interna

A Secretaria Municipal de Educação está realizando o Projeto Evasão Escolar Zero, que tem como objetivo realizar diversas ações para incentivar o aluno a frequentar a escola e conscientizar a família sobre a importância do aluno na escola. Além disso, as escolas municipais contam com a supervisão da Secretaria de Educação para acompanhar regularmente a frequência de todos os alunos da rede, tomando as providências necessárias quando a assiduidade é considerada baixa.   No Brasil, a evasão escolar é um grande desafio para o país, estados, municípios e todo sistema educacional. Segundo dados do INEP (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Anísio Teixeira), de 100 alunos que ingressam na escola na 1ª série, 5 não concluem o ensino fundamental, ou seja, 95 terminam a 8ª série .


Ao participar da campanha, Marcos Augusto, secretário de educação, falou sobre a  iniciativa. “Nossa preocupação é que nenhuma criança fique fora da escola, por isso estamos nas comunidades, falando com as famílias, procurando alunos que ainda não estão matriculados e tentando conscientizar os pais, falando a importância de crianças e adolescentes estarem das salas de aula”, pontuou.


SECRETARIA MUNICIAL DE EDUCAÇÃO E CULTURA



Recadastramento 2017 Servidor Público Municipal: Efetivos Ativos, Inativos e Pensionistas


A Prefeitura de Taquaritinga do Norte, através da Secretaria de Administração, estará realizando o recadastramento obrigatório do Servidor Público Municipal, ocupantes de cargos de provimento Efetivos Ativos, Inativos e Pensionistas.

Os servidores deverão responder ao formulário munido de documentos pessoais originais: Cédula de identidade (RG), Titulo de Eleitor, Certidão de quitação eleitoral (comprovante de votação 2016), CPF, Comprovante de residência atualizado, comprovante de registro em órgão de classe, quando se tratar de profissão regulamentada, Carteira de Trabalho. 

Xerox: de Certidão de Casamento, Nascimento dos filhos Certificados de formação e cursos, CNH- Carteira de Habilitação para ocupantes dos cargos de motorista, como também cumprir etapa presencial do registro para que seja validada a devida atualização.

O recadastramento será realizado no Centro Comercial Demétrio Paes de Andrade e terá inicio no dia 02 Outubro e vai até o dia 25, em dois períodos diários de segunda a sexta feira das 09:00h ás 12:00h e das 14:00h ás 17:00h, exceto feriado.

O Recadastramento tem a finalidade de promover a atualização dos dados cadastrais e funcionais dos Servidores Públicos, a fim de possibilitar o completo e correto envio de informações sobre a folha de pagamento para a Previdência Social e para o Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco, evitando assim alguns problemas de lançamentos e pagamentos.


Para maiores informações: www.taquaritingadonorte.pe.gov.br 
 www. imprensataqdonorte.blogspot.com ou pelo fone: 81 3733-2173



ASCOM/PMTN
CONSTRUINDO UMA NOVA HISTÓRIA

Criança de 1 ano perde o pé após ser atingida por carro


Uma criança de 1 ano perdeu um dos pés após ter sido atingida por um carro em Pesqueira, Agreste de Pernambuco. O caso ocorreu na quarta-feira (27). De acordo com a Polícia Civil, o menino estava brincando na garagem da casa onde mora quando o veículo invadiu o local.
Ainda segundo a polícia, a vítima perdeu o pé com o impacto do acidente. O garoto foi levado para o Hospital da Restauração, no Recife. Outra criança estava na garagem, mas não ficou ferida.
Após o acidente, vizinhos atearam fogo no carro. O motorista fugiu, conforme informou a polícia. A Delegacia de Polícia Civil do município irá investigar o caso.

Mulher suspeita de abandonar bebê em lixão é presa


Uma mulher de 35 anos foi presa na manhã desta sexta-feira (29) em Palmares, na Zona da Mata Sul de Pernambuco. Segundo a Polícia Civil, ela confessou ser a mãe do bebê encontrado morto no sábado (23) em um lixão.
De acordo com a mulher, ela matou o bebê quando ele ainda estava na barriga, após um desentendimento com o pai da criança, que teria negado a paternidade. O delegado Marcelo Queiroz, que está a frente do caso, afirmou que a mulher se contradiz no depoimento. Primeiro ela disse que matou o bebê com um chá abortivo, em seguida, ela disse que não olhou para a criança quando ele nasceu e não sabe se ele estava respirando.
Ela tem outros três filhos. O pai do bebê está sendo procurado para prestar depoimento. Ainda segundo a Polícia Civil, a causa da morte só pode ser descoberta após a liberação do laudo, previsto para ser divulgado em 30 dias. O delegado aguarda a Justiça para sabe o que fará em relação a mulher presa.

FERNANDO BEZERRA COELHO ALMOÇA COM PREFEITO DE SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE

 O senador Fernando Bezerra Coelho (PMDB) visitou na tarde desta sexta-feira, 29 de setembro, a cidade de Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste do Estado.
 O município é um dos principais produtores de jeans e confecções do Brasil, integrando o chamado polo da Sulanca. A data é marcante para a cidade, que festeja seus dois padroeiros: São Miguel e Bom Jesus dos Aflitos.
 Fernando Bezerra participou de um almoço na casa do prefeito Edson Vieira (PSDB), que reuniu secretários municipais, vereadores e lideranças políticas de toda a região, entre elas o ex-prefeito Toinho do Pará e o ex-deputado Oséas Moraes, pai do também deputado estadual e primeiro secretário da Assembleia Legislativa de Pernambuco, Diogo Moraes (PSB).
“Santa Cruz do Capibaribe é uma cidade muito importante para a economia local. O esforço dos moradores daqui fez surgir um grande arranjo produtivo, que gera renda e milhares de empregos. Estas iniciativas devem ser mantidas e fortalecidas”, afirmou o senador.
 Fernando Bezerra foi muito aplaudido ao chegar ao local e fez questão de cumprimentar pessoalmente cada convidado. O senador concedeu entrevistas a blogueiros e radialistas do Agreste, fazendo uma análise dos cenários políticos do Brasil e do Pernambuco.
“Estou otimista que a economia brasileira irá continuar apresentando sinais de recuperação, gerando mais empregos e produzindo renda. No campo da política, aqui em Pernambuco estamos trabalhando para construir uma grande frente partidária capaz de apresentar uma alternativa ao Governo do Estado”, disse.

quinta-feira, 28 de setembro de 2017

Huck se encontra com lideranças do DEM para discutir eleições de 2018



No mesmo dia em que a cúpula do DEM jantou com o prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), lideranças da sigla estiveram com o apresentador Luciano Huck para discutir uma filiação dele com vistas à eleição de 2018. O encontro aconteceu recentemente no Rio de Janeiro e participaram dele o ministro da Educação, Mendonça Filho (DEM-PE), o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM-BA), e o apresentador. Não foi a primeira vez que Huck se reuniu com o partido. Pelo menos outras duas reuniões já aconteceram nos últimos meses.

Integrantes do DEM que acompanham a negociação disseram ao Globo que têm sido discutidos nesses encontros os termos de uma filiação de Huck e a viabilidade de uma candidatura dele à Presidência em 2018. Até o momento, entretanto, não há nada fechado. O prazo de filiações para candidatos no próximo pleito termina em abril. O apresentador confirmou que participou da reunião, mas negou que tenha discutido sua entrada no partido.

O DEM deverá anunciar em meados do próximo mês a refundação da sigla, com a troca de nome (Mude, Centro ou Centro Democrático são as alternativas) e a apresentação de um novo manifesto. Nesse processo, o partido está em busca de um elenco novo de candidatos para 2018, entre eles, uma candidatura própria para a eleição presidencial. Para disputar uma vaga de deputado federal, um dos novos filiados será Kim Kataguiri, do Movimento Brasil Livre (MBL). (Fonte:  O Globo)

REFLEXÃO




Diogo Moraes e Ivanildo Lero discutem parcerias para Taquaritinga do Norte



Na manhã desta quarta-feira (27), o deputado estadual Diogo Moraes (PSB) recebeu em seu gabinete, na Assembleia Legislativa do Estado (ALEPE), o prefeito de Taquaritinga do Norte, Ivanildo Lero (PR), para tratar da destinação de recursos para o município.

A cidade foi contemplada com uma emenda parlamentar de R$ 200 mil para reforma e ampliação do mercado público do distrito de Pão de Açúcar, para que a estrutura ofereça melhores condições para atender a população e os comerciantes. No encontro, também foi discutida a alocação de emendas para a infraestrutura da cidade e a busca junto à Secretaria Estadual de Saúde do repasse de verbas para o Hospital Municipal Severino Pereira.

“Estamos trabalhando aqui na Assembleia, representando o povo e buscando dias melhores para Taquaritinga do Norte. Por isso, além de todos esses recursos, nos empenharemos para garantir que a Festa de Santo Amaro do próximo ano seja uma das mais belas que a cidade já viu”, afirmou Diogo, que também é primeiro-secretário da Alepe.

Lero comemorou as conquistas e agradeceu a parceria de Diogo Moraes. “A gente, em nome de Taquaritinga, tem que agradecer por tudo que o deputado tem feito. Diogo é um verdadeiro parceiro de Pão de Açúcar e Taquaritinga do Norte e tem nos ajudado nessa luta pela melhoria da saúde e infraestrutura do município” pontuou.

Prefeitura de Taquaritinga do Norte Realiza “Ação Solidária” na Beira Rio

o

Na manhã desta quarta feira (27), a Prefeitura de Taquaritinga do Norte através das secretarias de Ação Social e Secretaria de Saúde, realizaram uma “Ação Solidaria”.


A ação aconteceu na Rua João Barbosa conhecida também como (Rua São Vicente), próximo a Beira Rio, onde foram ofertados serviços como: palestras, aferição de pressão, teste de HGT, atividades recreativas com as crianças da comunidade, cortes de cabelos, dentre outros.   

Os profissionais do Núcleo de Apoio á Saúde da Família (NASF), e a equipe da Secretaria de Ação Social não mediram esforços para que o evento acontecesse assim como também a coordenadoria da Mulher que esteve presente em sua realização.


Fizeram-se presentes o controlador Interno Eriberto Marculino representado o Prefeito Lero, a assessora Magda Santos representando a chefe de gabinete Anália Arruda, o Secretário de Finanças Mauro Holanda, secretária de Turismo Ilka Paloma e equipe, equipe do CRAS, assessores, diretores de Departamentos, Dona Mariinha e Magda Lucélia representado a  associação São Vicente de Paulo,o público em geral.

A dona de casa Neide falou um pouco da satisfação em ter uma ação dessas naquela localidade. " nunca tínhamos visto uma ação dessas aqui em nossa rua, quero agradecer ao prefeito Lero por se preocupar com a saúde de todos nós e por trazer mais alegria a nossas crianças, ele esta de parabéns".

Equipe Saúde
Equipe CRAS


Apresentação do Ballet


Cortes de Cabelos


Vacinação 









ASCOM/PMTN

CONSTRUINDO UMA NOVA HISTÓRIA

Educação Taquaritinga : Bandas Marciais


A Prefeitura Municipal de Taquaritinga do Norte através da Secretaria Municipal de Educação e Cultura , tem investido nas Bandas Marciais , depois de reativar as Bandas da Escola Gilzenete Guerra e da Escola Padre Ibiapina, renovou todo fardamento das bandas das escolas municipais, e tem apoiado e assim incentivado as bandas das escolas estaduais e as demais bandas da cidade. A luta agora é para que em 2018 Taquaritinga faça parte da Copa Pernambucana de Bandas e Fanfarras.

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, multidão e atividades ao ar livre

Construindo uma Nova História !
Educação para Todos !

quarta-feira, 27 de setembro de 2017

Caos na Segurança :Com 80%, armas de fogo lideram estatísticas de homicídios e põem em xeque segurança em PE

Levantamento do G1 constatou que maioria das 96 vítimas de homicídio entre 21 e 27 de agosto foi assassinada com armas de fogo (Foto: Arte/TV Globo)

Desmonte do Pacto

Além de participar da criação do Pacto pela Vida e ajudar a implantá-lo, José Luiz Ratton fez avaliações periódicas do programa. Ao relembrar os primórdios da ideia, em janeiro de 2007, e a situação atual, uma década depois, ele acredita em desmonte gradual e paulatino da política pública. “Houve uma sabotagem silenciosa do Pacto”, avalia.
Para justificar essa avaliação, o professor do departamento de sociologia da UFPE aponta alguns fatores. Entre eles estão a incapacidade de os gestores estaduais aumentarem o investimento real na segurança, quando necessário. “É preciso estabelecer prioridade prática e não apenas retórica. Não é só uma questão policial”, alerta.
Para o especialista em segurança pública, é necessário investir em capacitação, formação, tecnologia e, principalmente, na prevenção. Ele cita um problema ocorrido, ao longo dos últimos anos, no aparato de investigação dos homicídios.
Segundo Ratton, houve um desmonte da estrutura do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Nos melhores momentos do Pacto, entre 2010 e 2013, quando foi possível bater a meta de redução de 12% dos assassinatos, Pernambuco conseguiu bons índices de elucidação dos crimes.
”Todos os homicídios passaram a ser investigados. O índice de resolução aumentou de 5% a 7% e chegou a mais de 50%”, diz o professor José Luiz Ratton
O professor diz que nos últimos anos a realidade mudou. “O DHPP tinha 21 delegados com competência para investigar homicídios. Havia equipes especializadas em Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) e agora não existe mais. Assim as organizações criminosas foram se reorganizando”, observa.
Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), no Recife (Foto: Thays Estarque/G1)Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), no Recife (Foto: Thays Estarque/G1)
Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), no Recife (Foto: Thays Estarque/G1)
Esse déficit estrutural do departamento é reconhecido pelo gestor do estado. Ivaldo Pereira informa que o DHPP tem cinco delegacias nas áreas estratégicas. No auge do Pacto pela Vida, cada delegado tinha três adjuntos. Agora, existe apenas um delegado com duas a três equipes por delegacia. "Tinha uma equipe. Teve enxugamento”, atesta.
Na época em que as delegacias operavam com mais de um delegado, informa Pereira, a efetividade atingiu bons índices. “O número de inquéritos instaurados era quase o mesmo de documentos enviados ao Judiciário. Hoje, estamos priorizando, desde março, os casos de 2017. O índice de resolução está em 40% no estado e 34% no Recife”, afirma.
Outra questão prática apontada por José Luiz Ratton diz respeito à presença física da Polícia Militar nas comunidades de maior vulnerabilidade social. “É importante para sinalizar nas comunidades onde há grupos armados que mortes não serão toleradas”, reforça.
Para o especialista, ao longo dos anos, houve um problema de perda da capacidade de negociar com as categorias de agentes de segurança pública, bem como de reconhecer parte da legitimidade dos pleitos.
“Setores expressivos dos praças estão em greve. A PM trabalha de forma desmotivada. Há problema de comando e frouxidão de mecanismos de controle e, com isso, há a retomada de conexões de bandidos e policiais envolvidos em atitude ilícitas”, comenta.
Para Ratton, houve perda de governança. "Além disso, ambições da coalização dominante tiveram papel importante nesse processo". Essa é uma referência ao período em que o ex-governador Eduardo Campos (PSB) liderou a elaboração do Pacto, logo no início da primeira gestão no governo de Pernambuco, entre 2007 e 2010. “Ele chamou a responsabilidade e assumiu o comando do processo", lembra. Com Eduardo Campos, o comando do Pacto passou para a secretaria de Planejamento e o governador participava das reuniões uma vez por mês.
Delegado Ivaldo Pereira é o gestor do DHPP (Foto: Fernando Rêgo Barros/TV Globo)Delegado Ivaldo Pereira é o gestor do DHPP (Foto: Fernando Rêgo Barros/TV Globo)
Delegado Ivaldo Pereira é o gestor do DHPP (Foto: Fernando Rêgo Barros/TV Globo)
Aos poucos, os quadros do grupo político foram migrando para a Prefeitura do Recife – conquistada desde 2012 por Geraldo Julio – e passaram a pensar na candidatura à Presidência da República. “O distanciamento da liderança carismática, que sai para a candidatura à Presidência, e em seguida a morte, desmontam a governança”, comenta.
Com a perda paulatina dessa visão sistemática da segurança, observa o sociólogo, a liderança foi definhando. "Os corporativismos voltaram a surgir e quem comanda são os policiais”, acrescenta.

O novo Pacto

Quando o Pacto pela Vida foi instituído, em maio de 2007, Pernambuco registrava altos índices de criminalidade. No ano anterior, foram registrados 4.638 assassinatos. Isso significa 55 mortes para cada grupo de 100 mil habitantes, o que colocava o estado entre os três mais violentos do Brasil.
Diante do recrudescimento da violência, depois de o estado atingir, em 2010, 14% de redução do número de homicídios, superando a meta dos 12% imposta pelo Pacto, Ratton aponta alguns caminhos. Para ele, é preciso recuperar a capacidade de investigar os homicídios. “É necessário sinalizar para a sociedade que a garantia da vida é prioridade”, atesta.
Além disso, ele diz que o estado deve fazer a repactuação com a Polícia Militar. "É preciso encerrar a greve oculta”, diz, referindo-se ao processo iniciado em 6 de dezembro de 2016, quando líderes de associações de cabos e soldados entraram em rota de colisão com a administração Paulo Câmara (PSB). Na época, o Exército foi acionado e passou a policiar as ruas do Grande Recife. Meses depois, os principais líderes foram expulsos da corporação.
José Luiz Ratton aponta principalmente a necessidade de investir em programas de prevenção. Ele cita o Programa Atitude, que trabalha com usuários de drogas, sobretudo, crack e seus familiares. “O Programa é barato. Custa R$ 15 milhões por ano, o que não representa praticamente nada no orçamento. É um programa reconhecido internacionalmente e que precisa ser ampliado. Pode quadruplicar as ações”, sentencia.
Por último, ele afirma que é preciso recuperar a transparência dos dados informados à sociedade. Até este ano, o site da Secretaria de Defesa Social apresentava uma relação completa das vítimas de CVLIs, a cada mês, com nome, sexo, idade e local do crime. Nos últimos meses, a SDS passou a publicar apenas números consolidados da violência. “As polícias aprenderam a maquiar. Houve perda da transparência do Pacto”, ressaltou.

Gestão

O gestor do DHPP, Ivaldo Pereira, também aponta caminhos para a melhoria das ações do Pacto pela Vida. Mesmo sem reconhecer a perda de governança ou de integração entre governo e polícias, ele acredita que é preciso reforçar o investimento.
Pereira ressalta que o governo se comprometeu a fazer concursos anualmente para repor e evitar buracos nos quadros das Polícias Militar e Civil. “É preciso fazer concurso sempre. É preciso readaptar o Pacto”, resume.
Pereira também contesta a perda da transparência. Segundo ele, foi preciso implantar o novo sistema para evitar distorções. “Antes, entravam nas estatísticas as mortes a esclarecer. Havia casos de mortes que ocorriam bem depois, nos hospitais, depois da prática do crime. A atualização é constante. Só publicamos, agora, a relação definitiva e correta”, justifica.
O gestor do DHPP também destaca a necessidade de relação democrática entre o governo e as entidades que representam os policiais. “Não existe problema. As entidades devem se posicionar e o governo deve participar das negociações”, acrescenta.
Por fim, Pereira alerta para a necessidade de mais participação dos municípios nas ações contra a violência. “É preciso fazer urbanização, iluminação e garantir diversão para as pessoas nos parque e praças. Devemos impedir uso de locais públicos para a venda de drogas e precisamos atuar no fechamento de bares e boates que concentram problemas”, afirma.

Dália Net no II Festival Café Cultural

Taquaritinga do Norte é uma cidade cheia de riquezas culturais. Além do melhor café da região, temos grandes expressões culturais presente...