sábado, 16 de novembro de 2013

Reflexão

Pedro

O prefeito Evilásio Araújo participou da Mobilização Municipalista no Congresso Nacional






















O prefeito de Taquaritinga do Norte participou da mobilização de gestores municipais, promovida pela Confederação Nacional de Municípios (CNM), no Congresso Nacional, nesta terça-feira, 12 de novembro. O encontro foi denominado de Mobilização Municipalista Permanente e aconteceu no Auditório Petrônio Portela do Senado Federal, sob a liderança do presidente da CNM, Paulo Ziulkoski. 
Os principais itens da pauta de revindicações dos gestores municipais de todo o País foram: modificação da proposta do ISS (imposto sobre serviços de qualquer natureza) para altera o local de recolhimento nas operações de leasing (arrendamento mercantil) e das atividades das administradoras de cartão de crédito e débito para que seja recolhido no domicílio do tomador de serviço e a revindicação de aclarar a base de cálculo das atividades da construção civil. Outro pedido importante foi para votação da matéria que prevê aumentar em 2% no Fundo de Participação dos Municípios (FPM), o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), garantiu aos prefeitos que agilizará a tramitação da Proposta de Emenda à Constituição 39/2013 no Senado Federal.
Também foi discutido como será promovido o repasse dos recursos dos royalties de petróleo a todos os Municípios, que aguardar definição por parte do judiciário. Na ocasião os prefeitos disseram que estão confiantes e entregaram moção a ministra do Supremo Tribunal Federal (STF), Carmem Lúcia – relatora da matéria. O documento pede celeridade na apreciação da liminar concedida nos autos da Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 4917 - royalties oriundos da plataforma continental – que suspende artigos da Lei 12.734/2012, que trata do assunto.

“Precisamos cobrar equilíbrio do Governo Federal em relação aos municípios, porque já não agüentamos mais, tantas obrigações repassadas para nós, sem que haja forte de custeio e os recursos cada vez menores. Queremos reparação definitiva por parte da União, e para isso é necessário rever a composição atual do FPM” pontuou o prefeito Evilásio Araújo. 
 
Os prefeitos presentes na mobilização acertaram um novo encontro para o dia 10 de dezembro. A expectativa dos gestores é ter as revindicações atendidas até lá. 

Com informações da CNM

É nesta próxima terça feira a abertura da ACL ELETROS!!

É com muita alegria que em longo período de tempo venho buscando tal objetivo e que nesse finalzinho de ano de 2013, com muito planejamento, muita luta, perseverança, com a ajuda de meu pai e colaboração de amigos e parentes consigo abrir minha loja de eletrônicos em geral iniciando com produtos portáteis e acessórios, além de algumas peças de som automotivo!! É uma enorme satisfação em saber que meu plano de carreira, traçado ainda quando estudava no SENAI não foi em vão, saber que cada passo dado foi válido!! Obrigado a todos que me estenderam a mão!! E o maior agradecimento é a DEUS que sem a permissão dele nada teria feito. Agradecendo também ao proprietário do dália net Marcos Augusto (PRIMO)!



Mulher saudita receberá 10 chibatadas por dirigir carro

Que absurdo! Ativistas sauditas informaram que um tribunal condenou uma mulher saudita a10 chibatadas por ter desafiado a proibição existente no país para que mulheres dirijam. Segundo a ativista Samar Badawi, a saudita Shaima Ghassaniya foi condenada nesta terça-feira, 27, por dirigir sempermissão do governo.
Não há leis que proíbam as mulheres de dirigir em território saudita, mas éditos de religiosos conservadores impedem que elas conduzam veículos.
Esta é a 1ª vez que país aplica este tipo de punição; outras mulheres já haviam sido detidas por conduzir
Noticias Populares

Namorada é obrigada a usar 'cadeado de castidade' durante 12 anos

Namorada é obrigada a usar ‘cadeado de castidade’ durante 12 anos

Namorada é obrigada a usar 'cadeado de castidade' durante 12 anos

Após passar horas com vontade de ir ao banheiro, a vítima precisou chamar a polícia, porém ela decidiu não prestar queixa contra o namorado, com quem vive há 12 anos.

Uma mexicana foi obrigada pelo namorado a usar um cadeado nas calças durante 12 anos como forma de cinto de castidade, para evitar que ela o traísse.
A mulher de 25 anos chamou a polícia na última terça-feira (8) porque não conseguia abrir o cadeado e estava havia horas com vontade de ir ao banheiro.
cadeado castidade
Ela contou à polícia que tinha medo da reação que seu namorado, um homem de 40 anos, poderia ter, caso ela cortasse as calças ou o cinto que prendia o cadeado.
O homem foi detido, confessou ter prendido as calças da mexicana e entregou a chave aos policiais. Ele vivia com a jovem desde que ela tinha 13 anos e, durante todo esse tempo, a obrigou a usar o cadeado.
Mas “para a surpresa das autoridades, a mulher se recusou a prestar queixas após o homem ser detido”, disse Araceli Gonzalez, diretora da Equifonia, um grupo de defesa dos direitos das mulheres.
— O suspeito foi detido e liberado poucas horas depois. No dia seguinte, ele assinou um documento se comprometendo a nunca mais forçar a namorada a usar o cadeado ou cometer outro tipo de abuso contra ela.
namorado ciumento preso
Segundo as autoridades, não havia mais nada a ser feito, já que a mulher se recusou a prestar queixa.
Fonte: NY Daily News | CNN em espanhol / R7

REFLEXÃO

OgAAAOhLiaGOMiVacz_SEEbh18YGGYcdfSRtDBBWwGqVFImIXTF9S1OIbbizvJTnrNT_vS3beunpd-isDC-G_5W_z6sAm1T1UHcyDRKvp2ocuyl6eBv0MgZZFS48

Lero quer Taquaritinga com atenção na segurança pública



Participando ontem do programa de Diogo Moraes na Filadélfia FM e um pool de emissoras, o vice prefeito de Taquaritinga do Norte, Lero, desabafou sobre o tratamento que o município vem tendo no tratamento em relação a segurança pública. 

Para ele, Taquaritinga, e principalmente Pão de Açúcar devem ser ouvidas na próxima audiência pública. “Quando apertam os marginais em Santa Cruz é para Pão de Açúcar que eles correm”. Fez muito bem o futuro candidato a prefeito!

Do Sulanca News

sexta-feira, 15 de novembro de 2013

Macaco salva Cachorro em Tsunami

Esta foto foi tirada em um tsunami na Tailândia.

A imagem mostra um macaco salvando um cão da água.


- Respect!


Em 1 ano, HB20 e Onix mudam ranking de automóveis mais vendidos

VALE ESTE arte carros mais vendidos (Foto: Arte G1)

O último balanço fechado de 2013 pela federação das concessionárias, a Fenabrave, em setembro, aponta o HB20 e o Onix como o sétimo e o oitavo automóvel mais vendido, respectivamente. O acumulado até outubro será divulgado nesta sexta-feira (1º).
HB20 chegou às lojas oficialmente em 10 de outubro do ano passado, mesmo mês em que o Onix e o Etios: um momento singular na história da indústria no Brasil, com 3 lançamentos simultâneos no segmento mais volumoso de todos, o dos hatches.
O modelo sul-coreano soma 112.525 unidades emplacadas desde o ano passado até setembro último, segundo a Fenabrave. O Onix vendeu 106.531 unidades até então.
Hoje sabemos que o consumidor não quer mais o carro pé de boi. Ele está disposto a pagar um pouco mais pelo status de um produto novo, por exemplo, pelo design e pelo conforto"
Milad Kalume Neto, da Jato Dynamics
Disposto a pagar mais
Para o consultor da Jato Dynamics do Brasil Milad Kalume Neto, ambos os modelos se aproveitam de um filão que amadureceu no mercado brasileiro: o de carros de entrada pelos quais o cliente concorda em pagar um pouco mais pelo que considera um diferencial.
"No mundo ideal, o cliente quer um carro bonito, barato e eficiente. Hoje sabemos que ele não quer mais o carro pé de boi [sem acessórios]. Ele está disposto a pagar um pouco mais pelo status de um produto novo, por exemplo, pelo design e pelo conforto", avalia.
Tanto HB20 quanto Onix se apoiaram em design e itens de série como chamarizes. Ambos se posicionaram na faixa dos R$ 30 mil –enquanto o Gol partia de R$ 28 mil na época-, com versões mais caras que superam os R$ 40 mil.
Chevrolet Agile no lançamento, em 2009 (Foto: Divulgação)Chevrolet Agile no lançamento, em 2009
(Foto: Divulgação)
Agile não se consolidou
O consultor lembra que a criação de modelos de entrada “superiores” ou “premium”, termo que as equipes de marketing gostam de usar, não é novidade. O Volkswagen Fox, lançado no fim de 2003, já fazia parte desse time.
“Ele não é o carro mais barato da Volkswagen, está acima do Gol”, explica Kalume Neto. O mesmo ocorreu com o Fiat Palio em relação ao então Uno Mille, que permanece como modelo mais barato da montadora italiana no Brasil.
Na Chevrolet, isso também não começou com o Onix, mas com o Agile, lançado em 2009, acima do Celta e do Corsa Hatch, mirando justamente o Fox. Na época do lançamento, a General Motors explicou que, enquanto o consumidor de classe média "tradicional" se diz satisfeito em ter um carro como o Corsa, as pessoas com perfil mais "jovem e moderno", antenadas com as novas tecnologias e as tendências da moda, por exemplo, buscavam um veículo com mais "estilo".
O Agile, porém, nunca se consolidou no top 10. “Acredito que o preço sempre esteve muito acima”, diz Kalume Neto. O modelo foi lançado com dois acabamentos, partindo de R$ 37,7 mil, enquanto o Fox começava em R$ 33,4 mil. Agora, perto do fim da carreira e recém-reestilizado, o hatch da GM é vendido em configuração única, a R$ 42,9 mil.
Etios tenta se adequar
A Toyota percebeu que o valor também poderia ser um entrave na história do Etios. Semanas antes de HB20 e Onix serem apresentados, ela anunciou que o modelo custaria a partir de R$ 35 mil, mas depois voltou atrás e definiu o preço inicial de R$ 30 mil no lançamento, quando o hatch da Hyundai já havia sido tabelado em R$ 32 mil na versão mais barata.
toyota etios painel (Foto: Divulgação)Painel do Etios era claro no lançamento, em 2012
(acima), e agora, é em preto (Foto: Divulgação)
No entanto, não bastou. Considerando apenas a versão hatch, as vendas do Etios somam menos da metade de cada um dos novos rivais: 31.291 unidades emplacadas de setembro de 2012 até o mês passado, também segundo a Fenabrave. É o 20º automóvel mais vendido no ano.
“Mas o Etios, pelos seus números, não pode ser desconsiderado”, observa Kalume Neto. “Acredito, porém, que o atraso na produção, de 2 anos, tenha feito diferença. E o fato de que foi pensado mais para o mercado da Índia do que para o brasileiro”, acrescenta, lembrando que, há poucos meses, a montadora japonesaanunciou melhorias, como painel em preto e mudança na iluminação do painel.
Paulo Roberto Garbossa, da ADK Consultoria, acredita que a Toyota tenha sido cautelosa. "Cada empresa tem uma estratégia. Uma delas pode ser entrar aos poucos [em um segmento]. Você vai adequando o modelo ao gosto do consumidor, que é o que vem sendo feito [com o Etios] agora. E a venda também depende de uma série de fatores. Às vezes o cliente compra pela marca."
"Dinossauros"
Para Kalume Neto, Hyundai e GM souberam aproveitar melhor o novo cliente dos carros de entrada e seus modelos se destacaram ao concorrer com “dinossauros” que ocupam há tempos os postos do ranking de mais vendidos, daí a rápida ascensão.
Comparando a lista dos modelos mais emplacados de janeiro a setembro deste ano, com igual período dos últimos 5 anos, a entrada de HB20 e Onix foi uma das mínimas mudanças.
Há 26 anos, o topo do ranking dos automóveis mais vendidos do Brasil é dominado pelo Gol, mas na conta dele entra tanto o modelo atual como a geração antiga, chamada de G4, que ainda é vendida. De 2009 para cá, além do Gol, outros carros se repetem nas listas, a maioria apoiada na tática de gerações diferentes que convivem: Fiat Uno (que conta as vendas do modelo atual e as do Mille), Fiat Palio (junta números do antigo, Fire, com os do Palio atual), Fiat Siena (reunindo o EL, mais simples e com a plataforma do antigo Palio, e o Grand Siena) e o Volkswagen Fox (contanto com a versão "aventureira" CrossFox). Se considerar, além de automóveis, os comerciais leves, a Fiat Strada também é veterana na relação.
Se tornaram regulares no top 10 o Ford Fiesta, que agora soma ao antigo Rocam o hatch New Fiesta, recém-nacionalizado, o Classic (antes somado ao Corsa Sedan), o Volkswagen Voyage e o Renault Sandero, que era o “caçula” na lista antes de HB20 e Onix. O hatch da montadora francesa foi lançado no fim de 2007, mas só gravou seu nome na lista anual dos mais vendidos a partir de 2011, apesar de ter aparecido algumas vezes desde 2008 em rankings mensais.

Mensalão : Quadrilha começa a ser presa

Um ano depois de o Supremo Tribunal Federal (STF) condenar 25 réus do processo do mensalão, maior escândalo político do governo Lula, 12 mandados de prisão foram expedidos nesta sexta-feira (15) e os primeiros condenados começaram a se entregar no início da noite.
Até as 21h, os condenados que já haviam chegado a sedes da Polícia Federal eram: José Genoino, José Dirceu (SP); MarcosValério, Ramon Hollerbach, SimoneVasconcelos, Cristiano Paz, RomeuQueiroz e Kátia Rabello (MG); e Jacinto Lamas (DF). Advogados de outros réus dizem que eles se entregarão ainda nesta sexta. Delúbio Soares deve se apresentar neste sábado, em Brasília, segundo informou o advogado.
Em julgamento realizado em 2012, sete anos depois que o escândalo estourou durante o primeiro mandato do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), o STF considerou que um grupo comandado por José Dirceu, então chefe da Casa Civil, operou um esquema de compra de votos no Congresso (saiba as conclusões do julgamento).
Depois de uma fase em que as penas foram definidas ainda em 2012 (dosimetria) e um período em que os réus puderam apresentar recursos contra as decisões, o STF julgou esses recursos até setembro, aceitando parte deles e rejeitando outros. No dia 13 de novembro, o tribunal decidiu que já era possível fazer cumprir as penas definitivas (transitadas em julgado), mesmo que o réu ainda pudesse recorrer de parte das condenações.
Ordens de prisão
As ordens de execução imediata das penas foram dadas pelo presidente do STF,Joaquim Barbosa, e chegaram à Polícia Federal em Brasília por volta das 16h10 pelas mãos de dois oficiais de Justiça. A PF disse que enviaria os ofícios para as superintendências regionais por meio de fax para iniciar a execução das prisões. A polícia não divulgou o teor dos ofícios.
Segundo a PF, um avião deve buscar os presos nos estados e levá-los a Brasília no fim de semana.
O primeiro condenado a se entregar foi o deputado federal licenciado e ex-presidente do PT, JoséGenoino. Ele chegou à sede da PF em São Paulo por volta das 18h20. Em nota divulgada antes de sair de sua casa, na Zona Oeste de São Paulo, Genoino disse que cumpriria a decisão "com indignação" e reafirmou que se considera inocente.
Condenados do mensalão com ordem de prisão (Foto: G1)Condenados com ordem de prisão
Condenados com mandado de prisão
A Polícia Federal em Brasília informou que os 12 mandados são referentes aos seguintes réus:
José Dirceu, ex-ministro da Casa Civil
- Pena total: 10 anos e 10 meses
- Crimes: formação de quadrilha e corrupção ativa


José Genoino, deputado federal licenciado (PT-SP)
- Pena total: 6 anos e 11 meses
- Crimes: formação de quadrilha e corrupção ativa


Delúbio Soares, ex-tesoureiro do PT
- Pena total: 8 anos e 11 meses
- Crimes: formação de quadrilha e corrupção ativa
Marcos Valério, apontado como "operador" do esquema do mensalão
- Pena total: 40 anos, 4 meses e 6 dias
- Crimes: formação de quadrilha, corrupção ativa, peculato, lavagem de dinheiro e evasão de divisas
José Roberto Salgado, ex-dirigente do Banco Rural
- Pena total: 16 anos e 8 meses
- Crimes: formação de quadrilha, lavagem de dinheiro, gestão fraudulenta e evasão de divisas
 Kátia Rabello, ex-presidente do Banco Rural
- Pena total: 16 anos e 8 meses
- Crimes: formação de quadrilha, lavagem de dinheiro, gestão fraudulenta e evasão de divisas


Cristiano Paz, ex-sócio de Marcos Valério
- Pena total: 25 anos, 11 meses e 20 dias
- Crimes: formação de quadrilha, corrupção ativa, peculato e lavagem de dinheiro
Ramon Hollerbach, ex-sócio de Marcos Valério
- Pena total: 29 anos, 7 meses e 20 dias
- Crimes: formação de quadrilha, corrupção ativa, peculato, lavagem de dinheiro e evasão de divisas
Simone Vasconcelos, ex-funcionária de Marcos Valério
- Pena total: 12 anos, 7 meses e 20 dias
- Crimes: formação de quadrilha, corrupção ativa, lavagem de dinheiro e evasão de divisas
Romeu Queiroz, ex-deputado pelo PTB
- Pena total: 6 anos e 6 meses
- Crimes: corrupção passiva e lavagem de dinheiro
Jacinto Lamas, ex-tesoureiro do extinto PL (atual PR)
- Pena total: 5 anos
- Crimes: corrupção passiva e lavagem de dinheiro
Henrique Pizzolato, ex-diretor do Banco do Brasil
- Pena total: 12 anos e 7 meses
- Crimes: formação de quadrilha, peculato e lavagem de dinheiro
Barbosa
Desde o início do dia, o presidente do Supremo Tribunal Federal e relator do processo, ministro Joaquim Barbosa, esteve reunido com assessores para finalizar um levantamento sobre a pena que cada um dos condenados começará a cumprir.
Nesta sexta (15), o STF publicou na movimentação processual da ação penal 470, do mensalão, que nove réus não têm mais possibilidades de recurso e por isso tiveram o processo encerrado para parte das condenações (o chamado trânsito em julgado). São eles o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu, o ex-presidente do PT José Genoino, o ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares, a ex-presidente do Banco Rural Kátia Rabelo, o ex-vice-presidente do Banco Rural José Roberto Salgado, o operador do esquema Marcos Valério, sua ex-secretária Simone Vasconcelos, o ex-advogado de Valério Cristiano Paz e o ex-sócio de Valério Ramon Hollerbach.
Nesta quinta, outros sete réus também tiveram o processo declarado como transitado em julgado: o delator do mensalão, Roberto Jefferson; o ex-deputado José Borba; o ex-tesoureiro do extinto PL Jacinto Lamas; o ex-diretor do Banco do Brasil Henrique Pizzolato; o ex-primeiro secretário do PTB Emerson Palmieri; o ex-dono da corretora Bônus-Banval Enivaldo Quadrado e o ex-deputado Romeu Queiroz.
Além desses 16 condenados, há outros seis réus que apresentaram embargos infringentes em relação a todos os crimes pelos quais foram condenados, mas que não obtiveram ao menos quatro votos favoráveis. De acordo com o regimento do Supremo têm direito aos infringentes (que podem levar a um novo julgamento) todos os réus que obtiveram ao menos quatro votos contrários à condenação.

g1

Reflexão

542040_361246980596412_70749861_n

Homem não conseguiu reatar relacionamento com a ex e se explodiu com uma granada

Ao que consta, o sujeito não aceitava o fim do relacionamento e foi até a farmácia onde sua ex-namorada trabalhava. Como a moça se recusou a falar com ele, ele pegou a granada e se explodiu. é bem verdade que a real intenção dele era explodir com a moça também, mas nisso ele falhou. Com a explosão, produtos e sangue foram espalhados por todo lado e o crânio do cidadão ficou destruído. Arequipa (Peru) - ocorrido em 07/11/2013. 

Confira a lista com os 50 nomes mais populares do Brasil:


De acordo com a pesquisa feita pelo ProScore, Bureau de Informação e Análise de Crédito os nomes mais populares do do Brasil são Maria e José. A fonte vela que Maria e José são os nomes mais populares do Brasil. 

Confira a lista com os 50 nomes mais populares do Brasil:

1. Maria -13.356.9652
2. José – 7.781.5153
3. Antônio – 3.550.7524
4. João – 2.988.7445.
5. Francisco – 2.242.1466
6. Ana -1.996.3777
7. Luiz – 1.541.8958
8. Paulo- 1.416.7689
9. Carlos – 1.384.20110
10. Manoel -1.334.18211
11. Pedro – 995.25412
12. Francisca – 853.59013
13. Marcos – 823.73814
14. Raimundo – 821.24215
15. Sebastião- 798.62716
16. Antônia -672.40017
17. Marcelo – 628.13818
 18. Jorge – 587.67019
 19. Márcia- 557.34720
 20. Geraldo – 530.05021
 21. Adriana – 529.77822
 22. Sandra – 497.97123
 23. Luis – 492.20824
 24. Fernando – 489.14225
 25. Fabio – 481.79026
 26. Roberto- 480.69527
 27. Márcio- 471.90628
 28. Edson – 467.80629
 29. André – 465.48430
 30. Sérgio – 462.39731
 31. Josefa – 453.63632
 32. Patrícia – 446.00133
 33. Daniel – 439.82634
 34. Rodrigo – 438.08335
 35. Rafael – 432.35636
 36. Joaquim – 431.59437
 37. Vera – 430.68338.
 38. Ricardo – 423.61639
 39. Eduardo – 417.27740
 40. Terezinha – 409.12041
 41. Sônia – 403.70242.
 42. Alexandre – 403.11443
 43. Rita – 396.90144
 44. Luciana – 390.50745
 45. Cláudio – 390.10446
 46. Rosa – 385.63447
 47. Benedito – 378.68048
 48. Leandro – 378.13649
 49. Raimunda – 372.67250
 50. Mário – 364.589