quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

DILMA CONDENA CORRUPÇÃO DO DEMOCRATAS 25


O Estado de S. Paulo - 09/12/2009

Pré-candidata do PT à Presidência, a ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, disse que o escândalo do mensalão no Distrito Federal "compromete" o DEM. Estrela da festa organizada pelo PT para comemorar os 30 anos do partido, Dilma definiu como "estarrecedoras" as imagens em que o governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda, deputados e secretários aparecem recebendo dinheiro, mas não quis associar o escândalo ao PSDB.

"Olho essa questão com muita cautela, mas acredito que compromete o DEM. Quanto ao PSDB, não tenho como afirmar isso", disse, sem querer comprar briga com o governador José Serra, seu principal adversário na disputa ao Planalto.

Apesar de condenar com veemência o "mensalão do DEM", defendendo "punição mais rápida" quando as provas de corrupção são "inequívocas", Dilma defendeu os petistas que são réus no processo que tramita no Supremo Tribunal Federal (STF).

Ao chegar à festa que homenageou ex-presidentes do PT - inclusive os que tiveram os nomes envolvidos no escândalo do mensalão de 2005, como o ex-ministro José Dirceu e o deputado José Genoino (SP) -, Dilma disse que os dois episódios são muito diferentes. "Não há provas contundentes contra eles, que não foram sequer julgados", insistiu Dilma. "No caso do DEM, as imagens são estarrecedoras, muito claras." Na semana passada, o presidente Lula havia dito que as cenas "não falam por si só".

Antes da festa, o Diretório Nacional do PT associou o mensalão do DEM ao PSDB. Na resolução aprovada, o PT esqueceu a crise que dizimou sua cúpula, em 2005, e afirmou que o terremoto político no DF é "reprise ainda mais chocante" dos escândalos envolvendo as gestões dos tucanos Yeda Crusius, no Rio Grande do Sul, e Eduardo Azeredo, ex-governador de Minas e hoje senador. "À oposição resta contabilizar o estrago do ''panetonegate'', que coloca por terra o discurso hipócrita dos falsos vestais do DEM", diz trecho da resolução, em referência à justificativa de que o dinheiro recebido por Arruda era para comprar panetones e distribuir à população carente.

Dirceu repetiu que não houve mensalão no PT: "O eleitorado sabe distinguir o que é caixa 2 e o que é corrupção." O PT vendeu 1.100 convites para a festa e, segundo o tesoureiro Paulo Ferreira, arrecadou $ 320 mil.

MAIS UM DEMOCRATA NA MIRA DA PF


Folha de S. Paulo - 09/12/2009

Documentos apontam propina de empreiteira a titular da pasta de Habitação

Procuradoria de São Paulo, que recebeu relatório final da Castelo de Areia, pede investigação de deputado, senadores e vereadores


Documentos apreendidos pela Polícia Federal na Operação Castelo de Areia mostram indícios de pagamentos de propina pela construtora Camargo Corrêa ao secretário municipal de Habitação de São Paulo, Elton Zacarias, ao presidente da Câmara Municipal paulistana, Antonio Carlos Rodrigues (PR), ao vereador Toninho Paiva (PR) e ao deputado Valdemar Costa Neto (PR-SP), que é réu no processo do mensalão.


A Procuradoria da República em São Paulo, que recebeu o relatório final da Castelo de Areia em 22 de novembro, ainda recomenda novas investigações sobre os senadores Inácio Arruda (PC do B-CE) e Renato Casagrande (PSB-ES), cujos nomes são referenciados em papéis recolhidos na operação.


Os políticos dizem não ter conhecimento sobre o inquérito da PF e negam o recebimento de propinas ou a participação em irregularidades. O órgão federal em São Paulo encaminhou anteontem à Procuradoria-Geral da República e à Procuradoria-Geral de Justiça de São Paulo requerimentos para que sejam aprofundadas as investigações em relação a Zacarias e aos parlamentares.


Um dos objetivos é que seja investigado se o secretário de Habitação e os vereadores da capital receberam propina para interceder pela liberação de um terreno na rua Tuiuti, no Tatuapé (zona leste de SP), que a empreiteira queria comprar.


A aprovação ainda depende de autorização do Conpresp (Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural e Ambiental da Cidade de São Paulo). A documentação recolhida em escritórios e casas de executivos da empreiteira traz indícios de que Elton Zacarias receberia R$ 1 milhão, e os vereadores, R$ 800 mil, da construtora.


Em relação aos dois vereadores do PR -Paiva é representante da Câmara no Conpresp-, há inscrições que sugerem que eles foram beneficiários de um pagamento no valor de R$ 100 mil, no dia 25 de abril de 2008, e receberiam os R$ 700 mil restantes em 90 dias após a aprovação da compra.


Segundo o Conpresp, a Camargo Corrêa protocolou um pedido de liberação da operação de venda do terreno em 28 de maio de 2008. Atualmente o processo sobre o imóvel está sob análise do Departamento de Patrimônio Histórico, segundo a assessoria do órgão.


Já o nome do deputado federal Valdemar Costa Neto surgiu nas apurações após a análise de documentos sobre a construção do Rodoanel Mario Covas. Em um dos papéis apreendidos há a expressão "60 mil - PAC -°Valdemar PL". Para autoridades envolvidas na investigação, a sigla "PAC" refere-se ao Programa de Aceleração do Crescimento do governo federal, que prevê a transferência de recursos para o Rodoanel. Já a inscrição "PL" seria uma menção ao Partido Liberal, antiga denominação do Partido da República.


Outro suspeito no caso das obras do Rodoanel é Paulo Souza, diretor de engenharia da estatal paulista Dersa (Desenvolvimento Rodoviário S.A.). Quanto aos senadores Arruda e Casagrande, a Procuradoria pediu que seja apurado o suposto envolvimento de ambos em irregularidades nas construções do metrô de Fortaleza e do aeroporto de Vitória, respectivamente. Há referência a ambos em documentos apreendidos, mas sem cifras.


Ao todo a Procuradoria apontou 14 obras executadas pela Camargo Corrêa em que há suspeitas da participação de políticos e autoridades em crimes de corrupção ativa e passiva, atos de improbidade administrativa e ilícitos eleitorais. As apurações sobre a construção da linha 4 do metrô de São Paulo revelam indícios de ilegalidades cometidas até por membros do Ministério Público de São Paulo e da Polícia Civil paulista. Uma das suspeitas é que um membro do Ministério Público estadual recebeu um pagamento da Camargo Corrêa em fevereiro de 2008, que teria ligação com os processos abertos após desabamento na obra da estação Pinheiros da linha 4, em 2007.

Ontem Sandro Neis, corregedor do Conselho Nacional do Ministério Público -órgão responsável pelo controle disciplinar da instituição- disse que já instaurou um procedimento para apurar eventuais condutas ilícitas de membros do Ministério Público no caso.

FALA DILMA


A ministra Dilma Rousseff destacou na noite de ontem (8), durante a realização da festa "Cores do Brasil", que marcou o início das comemorações dos 30 anos do PT, o importante papel exercido pela militância petista na construção e na trajetória histórica do partido até chegar à Presidência da República.

“Eu quero aqui dar um 'Viva' à militância do nosso partido, pela sua garra, disposição para a luta e pela sua participação em todas as vitórias do PT pelo Brasil afora. Essa militância é a principal responsável pela importância política que o PT conquistou nos seus 30 anos de história”, enfatizou a ministra.

O presidente Ricardo Berzoini também destacou o crescimento extraordinário do partido em todo o país nestes 30 anos e a força da sua militância para vencer os inúmeros desafios e colocar o PT no patamar atual de um dos maiores partidos políticos do mundo. “O PT faz 30 anos e se consolida como uma grande referência no cenário político nacional e mundial. O nosso partido nasceu das lutas populares e sindicais para se tornar uma grande força política que hoje governa o país, colocando em prática um projeto político moderno e inovador, num modelo de gerenciamento responsável da nossa economia e onde se prioriza as questões sociais",

Também presente ao ato, o presidente nacional eleito no PED 2009, José Eduardo Dutra, reafirmou os avanços e conquistas do governo do PT, tendo à frente o presidente Lula. “Ninguém mais duvida de que esse é o melhor governo que o país já teve e o povo brasileiro reconhece isso, assim como Lula é o presidente mais popular da história do Brasil, graças às políticas sociais e econômicas implementadas em sete anos de administração democrática”, afirmou.

Durante o evento festivo, a direção nacional do PT fez uma homenagem aos seus ex-presidentes nacionais, que contou com a presença de José Dirceu, Olívio Dutra e Luiz Gushisken. José Genoino, Tarso Genro, Rui Falcão e Marco Aurélio Garcia, que também presidiram o partido, mas não puderam comparecer, serão homenageados futuramente, assim como o presidente Lula que receberá homenagem especial no IV Congresso que ocorre em fevereiro de 2010.

Diogo Moraes traz beneficios para santa cruz


Reforma da Avenida 29 de Dezembro, ligação entre Pernambuco e Paraíba, capinagem da PE-160, pavimentação das ruas Mariano Amaro de Oliveira e Mãezinha Felix (Bairro São Jorge), e Academia das cidades para o Santo Augustinho.
Este foi o saldo da mais recente maratona do vereador Diogo Moraes (PSB) ao Recife, na última semana.
De acordo com o parlamentar, estão confirmada as obras de recuperação da Avenida 29 de Dezembro até o final do ano, além da capinação da PE-160 até a cidade de Jataúba, além do inicio do projeto executivo para ligar Pernambuco à Paraíba por asfalto.
Outra ação importante, segundo o próprio vereador, foi a garantia de metade da verba para a construção de uma praça no Santo Augustinho, que poderá ser substituída por uma Academia das Cidades.
Outro destaque citado por Diogo Moraes, foi a licitação da pavimentação das ruas Mariano Amaro de Oliveira e Mãezinha Felix, ambas no São Jorge.


Fonte: Assessoria

Sucesso : O Rodo da Bahia lota Praça Central de Taquaritinga do Norte no encerramento do 3° Taquaritinga Voo Livre

O último domingo ( 17/11 ) ficará marcado na memória daqueles que querem o bem de Taquaritinga do Norte, foi o último dia de atividad...