quarta-feira, 30 de setembro de 2015

Criador de 'Dilma Bolada' critica a presidente nas redes sociais


Publicitário afirmou que Dilma não irá mais precisar do seu apoio para o governo

Do JC Online

O publicitário foi além e disse que a presidente Dilma Rousseff não representa mais a população / Foto: Roberto Stuckert Filho / PR

O publicitário foi além e disse que a presidente Dilma Rousseff não representa mais a população

Foto: Roberto Stuckert Filho / PR

O criador da personagem Dilma Bolada, Jeferson Monteiro, teceu pesadas críticas à presidente Dilma Rousseff nesta quarta-feira (30). O publicitário, que foi contratado por R$ 20 mil por uma agência ligada ao PT para alavancar a imagem da presidente nas redes sociais, afirmou que Dilma não irá mais precisar do seu apoio para o governo. "Nem o meu e nem do apoio de ninguém que votou nela", dizia o texto. A principal crítica de Jeferson é com relação à reforma ministerial que o governo anda fazendo, dando preferência ao PMDB. "Para ela, só importa o apoio do PMDB e de parte do empresariado para que ela se mantenha lá onde está".

O publicitário foi além e disse que Dilma Rousseff não representa mais a população. "[Dilma] trocou o governo pelo cargo. Não é o governo que eu e mais de 54 milhões de brasileiros elegemos". Jeferson termina o texto citando uma música de Beth Carvalho para ilustrar toda a sua revolta. "Você pagou com traição a quem sempre lhe deu a mão".
Na página da Dilma Bolada, um vídeo com a música da cantora foi compartilhado para ironizar a presidente. Vale lembrar que, no início de setembro, a agência contratada pelo PT — responsável pelo pagamento a Jeferson Monteiro — declarou que não pretende renovar seu contrato com o partido.
Paulo Tadeu, que no Twitter se apresenta como ex-prefeito de Poços de Caldas e um dos fundadores do PT, deu de ombros para a declaração do publicitário.



Nenhum comentário:

Postar um comentário