quinta-feira, 3 de março de 2016

Nota de esclarecimento – Secretaria de Saúde e Meio Ambiente de Taquaritinga sobre inverdades a respeito da rede materno-infantil



Estão sendo publicadas algumas noticias levianas nos blogs da região sobre a realização de partos normais no município de Taquaritinga do Norte. Informações que só denigrem a imagem da nossa cidade e consequentemente da administração pública que não cansa de lutar por melhorias para os munícipes. O fato em questão trata da discussão sobre a implantação da rede materno-infantil em nossa região. Assunto este discutido há mais de seis meses entre vários municípios da IV Região de Saúde por determinação do Dr. Paulo Augusto de Freitas Oliveira, Promotor de Justiça do Estado de Pernambuco. 
O objetivo do termo extra judicial tem a finalidade de desafogar o município de Caruaru  que vinha recebendo demanda de várias  cidades que fazem parte das 32 que compõem a IV Geres, ao mesmo tempo em que as pacientes ao adentrarem nos hospitais não existiam leitos suficientes para tal demanda e  mães ficando nos corredores dos hospitais a espera do nascimento do seu filho.
Informamos ainda que tal medida servirá de um aporte a todos os municípios e que os nascimentos no município de Taquaritinga do Norte continuarão sendo transferidos apenas casos necessários como sempre fora encaminhado para outras referencias no Estado, no entanto, quando houver necessidade de transferência será para esta microrregião e não Caruaru como feito até os dias atuais.
A repercussão equivocada está sendo feita em cima de politicagens que não somam nada de positivo para nosso município, deveriam os mesmos se informarem antes de espalhar inverdades entre a população.
Santa Cruz do Capibaribe, por estar localizada em uma área central, está entre as cidades que será a microrregião de nosso município e receberá contra partida do Governo Federal, Estadual e Municipal.  
A rede materno-infantil é parte integrante da Rede Cegonha sendo uma estratégia do Ministério da Saúde que visa implementar uma rede de cuidados para assegurar às mulheres o direito ao planejamento reprodutivo e a atenção humanizada à gravidez, ao parto e ao pós parto, bem como assegurar às crianças o direito ao nascimento seguro e ao crescimento e desenvolvimento saudáveis.
Consideramos e reparamos toda e qualquer critica quando feita de maneira adequada e que contribui para o crescimento de nossa administração. Não aceitamos inverdades que só confundem a população com um assunto tão delicado como é o quesito saúde. Trabalhamos sempre para ofertar o melhor para todos independente de classe, raça, cor ou partido, somos transparentes em nossas ações. Queremos o melhor para toda população nortetaquaritinguense, queremos ações e não picuinhas infundadas com o objetivo de se alto promover e ainda se intitularem “amantes” de nossa cidade. Procurem somar e não ridicularizar nossa amada Taquaritinga. No mais, estamos à inteira disposição da população nortetaquaritinguense para quaisquer esclarecimentos.

Secretaria de Saúde e Meio Ambiente de Taquaritinga do Norte 

Nenhum comentário:

Postar um comentário