segunda-feira, 2 de julho de 2018

Choro de Perdedor : Osório técnico do México reclama do juiz por derrota


Osorio reclama de juiz e cita tempo perdido com


 irritação demonstrada por Juan Carlos Osorio à beira do campo em diversos lances da derrota para o Brasil se transformou em duras declarações após a partida. Tanto na primeira entrevista, à Fifa, logo depois do apito final, quanto na coletiva de imprensa em Samara, o comandante do México focou em reclamações contra a arbitragem comandada pelo italiano Gianluca Rochi.


Osorio afirmou que o árbitro demorou a reiniciar o jogo em diversas oportunidades e usou expressões como "vergonha para o futebol" para falar da postura dos brasileiros, alegando que os atletas adversários "fingiram faltas" e que houve tempo perdido "com um só jogador", sem citar diretamente Neymar.
- Acho que é uma vergonha para o futebol que se perda tanto tempo com um só jogador. Acho que a veemência que jogamos no primeiro tempo parou na arbitragem. Cada situação de jogo demorava muito. Uma delas demorou quatro minutos - reclamou, ainda na primeira resposta da entrevista coletiva.
Em seguida, o treinador - que trabalhou no São Paulo em 2015, antes de ir para o México - usou palavras ainda mais duras.
"Não é um exemplo para o futebol e para as crianças que veem o futebol. É um jogo de homens, como em outros esportes, e não há espaço para tanta palhaçada. Me incomodaram as atitudes de quem tinha as ações de jogo".

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Colômbia implode prédio que foi a fortaleza de Pablo Escoba

Edifício Mônaco tem oito andares e foi construído nos anos 80 em El Poblado, um dos bairros mais exclusivos de Medellín. Local será t...