quarta-feira, 27 de julho de 2016

Fábio Barbosa perde direção do PR em Surubim e não pode disputar reeleição na vice de Túlio Vieira


13620204_802164939883991_5985868573644855815_n

Albérico Cassiano

O vice-prefeito de Surubim, Fábio Barbosa (PR), não poderá fazer parte da chapa encabeçada pelo prefeito Túlio Vieira (PT), que disputa a reeleição, porque perdeu o controle da legenda no município, e os “republicanos” foram incorporados à candidatura do PSB. Barbosa havia se distanciado politicamente do companheiro de chapa e, nesse período, se aproximado do PSB dos deputados surubinenses Danilo Cabral e Nilton Mota, sendo inclusive colocado como possível nome para encabeçar uma chapa da oposição na disputa municipal deste ano.

Com a decisão dos socialistas em lançarem a terceira candidatura de Ana Célia Farias, dessa vez com o filho do ex-prefeito Flávio Nóbrega, Guilherme, na vice, Barbosa chegou a ter o nome lançado pelo PR para encabeçar uma chapa para disputar a prefeitura, com o aval dos deputados Sebastião Oliveira e Anderson Ferreira. “Fábio terá nosso apreço e estaremos lá no lançamento da sua candidatura dando todo nosso apoio”, disse Oliveira, ao Blog de Magno Martins na ocasião.

Continua…


Foto: Divulgação/Reprodução
 

Entretanto, diante da evidente polarização entre as candidaturas de Túlio Vieira e Ana Célia, o atual vice decidiu reatar politicamente com o prefeito, o que desagradou o comando socialista, que teria se articulado com o deputado Sebastião Oliveira PR, para destituir Barbosa da direção local do partido, e colocar o PR a serviço da candidatura da socialista. “Foi uma atitude antidemocrática. Querem ganhar por ‘W.O’. À tarde fiz uma reunião com os candidatos a vereador e a maioria decidiu que iríamos apoiar à reeleição do prefeito. À noite, eu estava destituído e a direção entregue, para apoiar à candidatura do PSB, sem nenhum comunicado, sem conversar. Isso é democrático?”, questiona Fábio Barbosa.

Foto: Divulgação/Reprodução
 

O atual vice não só discorda da terceira candidatura da socialista como afirma que o ex-prefeito é o responsável pelo desmonte do amplo palanque previsto para apoiar à campanha do PSB, e confirma o apoio ao prefeito mesmo impossibilitado de compor a chapa. “Eu nunca votei nela, e ele é um desagregador, foi ‘pra’ lá para desunir o grupo. Apoio Túlio Vieira mesmo sem poder disputar a vice, porque o prefeito é um homem honesto, tem as mãos limpas e vem fazendo um bom trabalho, mesmo com essa crise toda. Para Surubim, o melhor é que Túlio permaneça”, afirma Barbosa.

Impedido de disputar, o vice lembra que o nome do empresário Fernando Brito PTB para ocupar a vaga e lembra ainda que outros partidos que decidiram apoiar Túlio Vieira podem sofrer a mesma intervenção, a exemplo do PPS, PMN e Solidariedade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário