domingo, 27 de dezembro de 2015

TAQUARITINGA DO NORTE : AGRICULTURA EM AÇÃO

Em reunião extraordinária os Agricultores da Unidade Produtiva São Judas Tadeu aprovaram à implantação do projeto de construção de 18 casas e 18 cisternas

No último sábado (26/12) o Secretário de Agricultura Júlio César Pontes participou de uma reunião extraordinária na Associação dos Agricultores da Unidade Produtiva São Judas Tadeu, onde foi discutida a priorização dos próximos projetos a serem implantados com os recursos do subprojeto de investimento comunitário (SIC).
O Primeiro, já concluído, foi à limpeza das barragens e a construção de cercas. Nessa reunião após amplo debate onde todos puderam opinar, foi aprovado por unanimidade a implantação do projeto de moradias com a construção de 18 casas e 18 cisternas de placas. Também foi priorizado um projeto de aquisição de novilhas e perfuração e instalação de poços artesianos.






Após a priorização dos projetos o Secretário de Agricultura deu uma palestra sobre convivência com o semiárido e apresentou vídeos mostrando plantio de mandacaru como alternativa de alimento para o rebanho.
Essa palestra faz parte do Programa Fome Zero Animal que a Secretaria de Agricultura e Pecuária vem trabalhando com os agricultores desde 2011, e tem a finalidade de buscar alternativas de convivência com o semiárido onde já se trabalha com a produção de silagem com silos de superfície, plantio de palma forrageira resistente à cochonilha do carmim, e devido a grande estiagem que vem assolando nossa região, buscam-se novas tecnologias utilizando as plantas nativas da caatinga que são resistentes à seca e servem de reserva estratégica de alimentação para o rebanho.
“Deus fez o mundo perfeito tudo que ele colocou na terra tem uma serventia, aquilo que não serve para alimentar serve para curar o que não serve para curar serve para matar e do veneno que mata se tira a cura! Se em vez de desmatar para plantar capim o homem observasse a natureza ao seu redor encontraria solução para tudo e teríamos melhores invernos, melhoria da produção e o desenvolvimento sustentável almejado”. Concluiu Júlio César Pontes.
Informações/fotos:Secretaria de Agricultura e Pecuária 

Nenhum comentário:

Postar um comentário