sábado, 16 de outubro de 2010

SPORT VENCE, NAUTICO PERDE



marcelinho paraiba sport gol coritibaMarcelinho supera Édson Bastos em cobrança de
pênalti (Foto: W. Correia Neto / Agência Estado)
Em um jogo de muitos gols, cartões e polêmicas, o Sport bateu o Coritiba por 3 a 2, pela 29ª rodada da Série B, e segue vivo na disputa por uma vaga no G-4, agora com 46 pontos. Apesar da derrota, o time paranaense se mantém na liderança isolada da competição, com 56 pontos. Com dois gols de Marcelinho Paraíba, ambos de pênalti, e um do artilheiro Ciro, o Leão continua sem nunca ter perdido para o Alviverde na Ilha do Retiro. Marcos Aurélio e Leonardo diminuíram para os visitantes.
Na próxima terça, o Coxa recebe o Vila Nova, às 21h, no Couto Pereira. No mesmo dia, às 21h50m, o Leão visita o Duque de Caxias, em São Januário.

Na primeira etapa, massacre vermelho e preto
A partida começou com um verdadeiro bombardeio ao gol de Édson Bastos. Com a necessidade de vencer para não se afastar ainda mais do G-4, o Sport se lançou ao ataque com ótima presença de Marcelinho Paraíba e Élton. Nos vinte primeiros minutos, além de afastar vários cruzamentos, o goleiro alviverde defendeu, de mão trocada, uma bomba de Élton e um chute de Dadá no canto esquerdo, ambos de fora da área. O camisa 2 rubro-negro ainda fez excelente jogada pela direita, mas Adriano, mesmo adiantado, não chegou a tempo de empurrar para a rede.
Com posse de bola mínima, o Coxa tentava levar perigo nos chutes de fora da área. Leandro Donizete, Léo Gago, Leonardo e Enrico arriscaram sem sucesso. As oportunidades mais concretas do alviverde passaram pelos pés de Triguinho. Além de uma boa jogada na linha de fundo, o lateral invadiu a área, aos 31, e chutou cruzado para fora.
O Leão, que pouco antes quase abrira o placar em bom chute de primeira de Marcelinho Paraíba, respondeu efetivamente dois minutos depois. Fabinho Capixaba dominou a bola no braço dentro da área, e o árbitro Jailson Macedo Freitas marcou pênalti. Dessa vez, Édson Bastos não fez milagre. O goleirão caiu para o lado esquerdo, e o camisa 10 rubro-negro mandou um canhão no meio gol.
Atrás no placar, o Coritiba melhorou um pouco o posicionamento e tentou sair no contra-ataque, mas não construiu jogadas perigosas o bastante para ameaçar a vantagem dos donos da casa na primeira etapa.

NAUTICO AFUNDA 
A animosidade entre as duas equipes continuou. Leandro Donizete deu um carrinho violento em Ciro e foi punido. O atacante encarou o adversário, que levou as mãos ao rosto fingindo ter levado uma cusparada. O árbitro ignorou a atuação do volante. Na cobrança, Marcelinho chutou forte, direto para o gol, e Édson Bastos fez boa defesa.
adriano bahia gol náuticoAdriano marcou os três gols do triunfo do Bahia
(Foto: Romildo de Jesus / Agência Estado)
Diante de 27.116 torcedores pagantes no Estádio Municipal de Pituaçu, que oraram uníssonos assim que o árbitro encerrou a partida, o Bahia bateu o Náutico por 3 a 0, neste sábado, pela 29ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro e se consolidou no G-4, na terceira posição - atrás do Figueirense apenas pelo critério de saldo de gols - com 52 pontos. O detalhe é que os três gols do Esquadrão de Aço - e do jogo - foram marcados pelo centroavante Adriano 'Michael Jackson'.
O Alvirrubro cai para a 13ª posição, com 37 pontos e ainda não garantiu a pontuação suficiente para se manter na Segunda Divisão. Com o resultado, o Tricolor manteve a escrita de nunca perder para o Timbu tendo o mando de campo, além de manter a liderança nos confrontos com 10 vitórias sobre a equipe pernambucana, que tem quatro triunfos sobre os baianos.
Os times voltam a campo na próxima terça-feira. O Bahia viaja até Florianópolis para enfrentar o Figueirense, no Orlando Scarpelli, às 21h, enquanto o Náutico recebe o Paraná Clube, às 21h50m, nos Aflitos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Copa Taquara de Vôlei a todo Vapor em Taquaritinga do Norte

Começou na última segunda ( 14/10 ) em Taquaritinga do Norte a Copa Taquara de Vôlei,  o torneio visa a difusão e o incentivo à prática de ...