quinta-feira, 22 de outubro de 2015

Um assassinato a cada duas horas em Pernambuco

Estado está prestes a completar 3 mil assassinados em menos de dez meses. Crédito: Simpol
Estado está prestes a completar 3 mil assassinados em menos de dez meses. Crédito: Simpol
Em menos de dez meses, Pernambuco está prestes a completar 3 mil assassinatos. Estatisticamente, isso significa que, em média, um assassinato é registrado a cada duas horas. O cálculo foi feito com base nos resultados atualizados pela Secretaria de Defesa Social.
Até 13 de outubro, o Estado já contabilizava 2.965 homicídios. Nos bastidores, já é dado como certo que o ano fechará com aumento de pelo menos 10% no número de homicídios em relação a 2014. O índice é ainda mais negativo que o resultado do ano anterior.
Pernambuco fechou 2014 com aumento de 9,5% na taxa de homicídios. Foi a primeira vez, desde a criação do Pacto pela Vida, em 2007, que o Estado não conseguiu nenhuma redução nas mortes. O programa prevê uma queda de 12% na violência anualmente, mas somente duas vezes conseguiu atingir essa meta.
Para tentar estancar a violência, o Governo do Estado prevê concurso para aumentar efetivo na segurança. Serão 1,5 mil vagas para soldados da PM, 100 vagas para delegado, 550 para agentes e escrivães e mais 316 cargos na Polícia Científica. Atualmente, Pernambuco conta com 19.942 PMs. Com o concurso, haverá um incremento de 7,5% no número de policiais nas ruas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário